terça-feira, 16 de setembro de 2014

Doação e método humanizado.


Bom dia!

Ontem ganhamos alguns livros do pedreiro que trabalha aqui com a gente, ele tem três filhos, 3, 12 e 18 anos. A menor vem pra "Hora da História"
Ele resgatou os livros que uma escola municipal jogou fora! Teve o cuidado de embalar e trouxe na bicicleta.
Seis crianças da mesma escola municipal participam das nossas atividades. Duas delas, vem só de vez em quando, as outras quatro tem entre 8 e 10 anos não sabem ler, mal reconhecem as letras do alfabeto.
Para essas crianças, que são muitas no nosso grupo, e que por não saberem ler, ficam com vergonha de voltar outras vezes, criamos o 30/3.

O que é isso? 30/3? Nunca ouvi falar!!!

Eu explico!

Baseados na teoria  de que, com um pouco de trabalho todo dia, mantemos tudo na mais perfeita ordem, sem desespero, cobranças ou esforços maçantes, as crianças aparecem por aqui em horários pré determinados, colocamos o timer pra disparar em 30 minutos.
E, me orgulho em dizer, que são 30 minutos muito divertidos, que funcionam como um reforço, e que a cada dia elas estão melhores.

Acho que funcionamos um pouco assim, não estamos programados pra entrar numa sala e aprender, pra marcar uma hora e aprender. Dentro do ser humano existem dois botões, um que é imediatamente acionado quando percebe imposição, e ao lado desse, outro que dispara sempre que há o poder de escolha! Um complementa o outro.

Então, eles vem, porque sabem que estou disponível naqueles horários, mas ainda assim quem escolhe são eles.

30 minutos diários e mesmo semanais, fazem uma diferença enorme.

Daí você pergunta:
- Mas, de onde você tira tanto tempo?

Eu não paro minha vida, eu apenas me disponho a transmitir o que sei.
Posso estar regando as flores, lavando louça, lendo um livro, cortando a grama, cozinhando, ajudando meus filhos com a tarefa escolar, criando um jardim e tantas outras coisas... A cada momento se pode transmitir alguma coisa e a receber um pouco da experiência do outro.
Pra isso bastam três coisas: eu o outro e respeito mútuo.

 ♥



Nenhum comentário:

Postar um comentário